Quem sou eu

Minha foto
Salvador, Bahia, Brazil
Sou Mulato, Solteiro, Discreto, Bisexual(Passivo com Homens), 37 Anos, 1,80m, 80 kg e Aventureiro. Procuro Amizade Íntima com homens e mulheres simples, discretos,putões, não afeminados, 100% ativos, livres de medos e opiniões alheias para amizade e parceira em aventuras sexuais de toda espécie( Lugares Públicos, Sexo Grupal, Praias Desertas, Filmagens e Fotografias Pornôs) & sem nenhum vínculo financeiro, só sexo e amizade. Estou aberto a relacionamento discreto, livre, sem drogas e nem violência. Afeminados serão descartados pois preservo a discrição e o respeito mútuos.Negros são preferência mas todos os ativos,loucos por sexo e bem dotados serão bem Vindos. Aguardo Contato. Quero matar o desejos de todos os taradinhos e safados de plantão...

Pode Crer!

domingo, 27 de novembro de 2016

Casal de pinguins gays vivem juntos há 10 anos e adotam um filhote.


Os preconceituosos vão se irritar com essa notícia. Mas, o amor entre seres do mesmo sexo vai além de homens e mulheres. Um casal pinguins machos Dotty e Zee vivem juntos há 10 anos no zoológico de Bremerhaven, na Alemanha. Juntos desde que se conheceram, os animais passaram anos  intrigando os pesquisadores do zoológico que achavam que eles eram macho e fêmea mas estranhavam o fato deles nunca terem procriado.
Quando foi feito um exame de DNA descobriu-se que eram dois machos, mas que queriam constituir uma família. Dotty e Zee, contudo, anualmente, faziam um ninho na espera de um bebê. Agora, eles passaram a cuidar de um ovo rejeitado por uma fêmea e estão cuidando do filhote. Essa espécie de pinguins tem apenas 2 mil seres no mundo.
Toda essa história foi contada pelo projeto Animals in love; veja>>>

- See more at: http://www.correio24horas.com.br/blogs/mesalte/casal-de-pinguins-gays-vivem-juntos-ha-10-anos-e-adotam-um-filhote/#sthash.dmfLPJ3T.dpuf

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Apresentador Leão Lobo revela que sofreu estupro coletivo: ‘Me penduraram de ponta-cabeça’.










O apresentador Leão Lobo, do SBT, revelou que foi vítima de um estupro coletivo. 
Durante participação no programa ‘Eliana’, no domingo (13/11/2016), o jornalista contou que 
foi o crime aconteceu quando ele tinha 16 anos. Ele lembrou que foi ameaçado com 
garrafas de vidro. 
“Eu estava na praia, vi um rapaz bonito, voltei, ele puxou conversa comigo e me 
levou para um lugar na praia. 
Eu fui e quando cheguei no local tinham vários outros homens. 
Eles trancaram a porta do prédio, abriram a geladeira e só tinham garrafas de vidro. 
Me usaram da pior forma possível.
Me amarraram e me penduraram de ponta-cabeça.
Foi uma coisa horrorosa, aterrorizante que eu passei”, contou Leão no programa.
Ele estava muito emocionado, e Eliana também ficou aterrorizada com o relato. 
Leão Lobo aproveitou a revelação para aconselhar todas as vítimas de abuso sexual
 que denunciem os agressores.
- See more at: http://www.correio24horas.com.br/blogs/mesalte/apresentador-leao-lobo-revela-que-sofreu-estupro-coletivo-me-penduraram-de-ponta-cabeca/#sthash.JaC2cR1B.dpuf

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

O Primeiro Boquete é Inesquecível.

por H. Thiesen 

Ela era o tipo de garota que fazia e tudo era possível na sua imaginação, mas na sua aparência cotidiana, era uma santa, ninguém imagina o que poderia se passar dentro daquela cabeça. Apesar dos seus vinte e um anos, ainda era virgem.
Vivia rodeada das amigas e com elas deixava fluir as suas fantasias. Horas e horas eram gastas entre elas e falavam sobre todo o tipo de sacanagem, porém nenhuma sentia coragem de fazer realmente o que planejavam.
Um dia ela conheceu alguém, que lhe contou muitas coisas e lhe ensinou outras muitas. Quando ele falava seu corpo tremia e incendiava. Porém um terror imenso afrouxou suas pernas, quando ele a segurou com força e a pressionou contra o seu corpo. Instintivamente, ela cravejou suas costas com as unhas longas e vermelhas. Ela ofegava, gemia e se afogava no prazer daquele momento, um beijo extremamente sensual, carregado de erotismo e com mãos atrevidas passeando por todo o seu corpo.
Inesperadamente, ele segurou-a pelos ombros e a fez ajoelhar na sua frente. Retirou de dentro da calça o membro duro e forçou a entrada entre os lábios dela. Aquele membro roliço e quente entrava e saía da sua boca, num compasso e ritmo ditado por ele, que a segurava e puxava pelos cabelos.
Ela sempre sonhou ter um membro na sua boca e desejava sentir o gosto de um orgasmo, do mesmo jeito que via nos vídeos pornográficos, que assistia à noite no seu quarto furtivamente. Ele queria ter um orgasmo naquela boca e sem muita demora gozou fartamente. 
Ainda segurando-a pelos cabelos, fez ela olhar dentro dos seus olhos. Ela olhou-o como quem realizara um sonho e mostrou-lhe o sêmen abrindo a boca e recebeu um leve tapinha no seu rosto, seguido por um desejo dele, qual e tal uma ordem:
- Engula!
Ela engoliu de todo, até a última gota, lambendo os lábios e chupando os dedos. Ele guardou o membro dentro das calças e foi embora satisfeito. 
Ao contrário do que haviam lhe ensinado, ela não se sentiu uma mulher fácil e nem mesmo um objeto, também notou que não se sentiu mal e que um gozo na boca é delicioso e até faz bem. Tomou o caminho da sua casa e enquanto caminha, pensava que pela primeira vez  se sentira mulher. 
Nos poucos instantes que haviam passado e que divagava enquanto caminhava, nem percebeu e já estava de volta na sua casa. Seus pais não perceberam que ela tinha chegado e não precisou de uma desculpa para disfarçar o cheiro, que estava impregnado na sua boca. 
Foi para o banheiro, escovou os dentes e com muita água lavou a boca. Subitamente veio-lhe um pensamento, o que diriam seus pais se descobrissem o que ela havia feito. Mas logo, decidida afastou aquele pensamento:
- Que se fodam!
Ela tinha muito à fazer, mas poderia deixar tudo para depois. Antes de qualquer coisa tinha que escrever e registar para a posteridade os últimos acontecimentos:
Querido Diário,
Hoje perdi um terço da minha virgindade, fiz meu primeiro boquete! Foi delicioso e nunca vou esquecer! Agora falta-me apenas dois terços, meus outros dois orifícios que se mantém intactos! Mas eles não perdem por esperar!

--------------------------------------------------------------
© COPYRIGHT BY "PENSAMENTO INDECENTE"
Todos os Direitos Reservados
All Rights Reserved
DIREITOS AUTORAIS PROTEGIDOS
Cópias e publicações permitidas, desde que acompanhadas dos créditos à autora do texto e link para para este blog: PENSAMENTOINDECENTE.COM
.

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Salvador sediará primeiro Encontro de Famílias LGBTs.


Salvador sediará entre os dias 10 e 12 de fevereiro  de 2017 o I Encontro de Famílias LGBTs. Para Marcelo Cerqueira, presidente do Grupo Gay da Bahia (GGB) e idealizador e organizador do evento, o objetivo do encontro é resgatar e compartilhar as experiências pessoais dos casais e falar sobre o tema casamento com exemplos de famílias LGBTs.

“Com o passar do tempo, muitos casais descuidam da relação, permitindo que situações simples e acomodações atrapalhem o relacionamento, perdendo a alegria do dia-a-dia com os problemas normais em toda relação conjugal e que por falta de discussão e enfrentamento, provocam stress, deixando de viver a relação com a devida intensidade. O encontro será um momento de compartilhar e se aprimorar homoafetividade e a felicidade de viver juntos”, explica Marcelo. Uma família já confirmada no evento, segundo o GGB, é o casal Toni Reis e David Harand com seus filhos Alyson, Jéssica e Felipe (foto acima).
Em 2014, o IBGE registrou no Brasil 4.854 casamentos entre cônjuges do mesmo sexo, um aumento de 31,2% em relação a 2013, ano em que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) determinou que os cartórios realizassem a união civil entre pessoas do mesmo sexo. Em números absolutos, foram 1.153 uniões homoafetivas a mais que no ano anterior, sendo 50,3% entre mulheres e 49,7%, entre homens. Em 2013, os casamentos entre mulheres registraram uma maioria mais acentuada – 52% contra 48% de casamentos entre homens.
Mais informações: ggbbahia@gmail.com
- See more at: http://www.correio24horas.com.br/blogs/mesalte/salvador-sediara-primeiro-encontro-de-familias-lgbts/#sthash.iF6GDTnz.dpuf

sábado, 19 de novembro de 2016

Ginástica íntima e pompoarismo aumenta o prazer sexual; veja como!


Essa dica é especial para as meninas que querem aumentar o prazer sexual. Pós–graduada em Sexologia pela Universidade de São Paulo (USP), a ginecologista e obstetra Erica Mantelli explica que, através da ginástica íntima, é possível aumentar o prazer na hora do sexo. “Essa ginástica íntima consiste de técnicas realizadas por meio de exercícios que fortalecem os músculos do assoalho pélvico”, explica.
As técnicas mais utilizadas nesta ginástica são séries de exercícios de Kegel, que foram desenvolvidas na década de 1940 pelo ginecologista Arnold Kegel, As atividades fortalecem o músculo puboccígeo (PC), que forma a plataforma orgásmica. O PC fora de forma é o responsável pela perda da sensibilidade ao redor da abertura da vagina. Outro problema que pode ser tratado com os exercícios de Kegel é a disfunção erétil. Muitos homens também podem se beneficiar com essa técnica, principalmente aqueles que sofrem com a ejaculação precoce e incontinência urinária.


Veja os três passos da ginástica íntima:
1. Primeiro passo:
Para iniciar a prática dos exercícios é preciso verificar se os músculos certos estão sendo segmentados. Para isso, pare o fluxo de urina e sinta quais os músculos você está contraindo nesse procedimento. Outra opção é inserir o dedo na vagina e apertar os músculos no entorno para localizá-los. Cerifique-se que não está usando qualquer outro músculo, como por exemplo, do abdômen, coxas ou nádegas.
2. Segundo passo
Após localizar o músculo é preciso esvaziar a bexiga, para poder iniciar os exercícios.
3. Terceiro passo
Procure um lugar confortável para sentar ou deitar, e assim realizar os movimentos. Comece por apertar os músculos do assoalho pélvico e segurá-los por dez segundos. Após completar o tempo relaxe por mais dez e reinicie o movimento. O ideal é realizar um conjunto de cinco séries.
Repita essa rotina por até três vezes na semana. Além disso, é possível ousar e tentar os exercícios extras durante a relação sexual, como apertar e soltar os músculos em torno pênis do parceiro e observar como isso contribui para a excitação dele. A avaliação do ginecologista e fisioterapeuta é de suma importância para indicar o tratamento correto. Caso apresente alguma disfunção, procure ser avaliada pelo especialista o quanto antes.

- See more at: http://www.correio24horas.com.br/blogs/mesalte/ginastica-intima-aumenta-o-prazer-sexual-veja-como/#sthash.ngQvcVjw.dpuf

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Fazer sexo oral em mulheres ajuda o sistema imunológico, diz estudo.

Um estudo revelou que fazer sexo oral em mulheres traz benefícios a saúde. Acontece que 70% das vaginas tem presente em peso uma bactéria chamada Lactobacilos, que produz um ácido lático que mantém o nível do PH neutro. Essa bactéria, também presente no seu intestino, ajuda o sistema imunológico e auxilia até na prevenção de doenças que vão da alergia ao Alzheimer.
Segundo a pesquisadora, Dra. Helena Mendes-Soares, 
existem de 100 mil a 100 milhões de células de lactobacilos 
por grama no fluido vaginal. Entretanto, para que haja 
efeito, é necessário ingerir o suficiente no sexo oral 
para que a bactéria consiga viajar pelo seu corpo, 
ultrapassando o estômago, tendo que sobreviver ao ácido 
estomacal, e chegando finalmente ao intestino, que é 
onde elas podem se proliferar e ajudar a sua saúde. 
Para tanto, é recomendado o consumo de 10 a 10 mil 
gramas de fluido vaginal.
Assista também: